Pais de recém-nascidos recebem mais quatro semanas de licença parental paga na Nova Zelândia

Os pais de bebês recém-nascidos terão quatro semanas extras de licença parental paga a partir de primeiro de julho.

O esquema de licença parental paga na Nova Zelândia está estendendo-se de 22 semanas para 26 semanas, levando a Nova Zelândia a até seis meses completos de licença para novos pais.

O pagamento semanal máximo também está aumentando em $ 20 por semana.

O regime aplica-se a pais com filhos que nascem a partir do dia 1 de julho. O regime  prorrogado pela última vez em julho de 2018 de 18 para 22 semanas.

No momento de anunciar a extensão de 22 semanas, o ministro das Relações e Segurança no Trabalho Iain Lees-Galloway disse que o governo implementaria uma extensão adicional em julho de 2020 para 26 semanas.

A Nova Zelândia está à frente da Austrália, que dá a seus pais 18 semanas, mas mesmo a atualização mais recente não chega a alguns países europeus.

O Reino Unido oferece 52 semanas e a Suécia oferece 16 meses.

Fonte: 1 News

Deixe seu Comentário