EUA chegam à final da Copa feminina com vitória dramática sobre a Inglaterra

EUA chegam à final da Copa feminina com vitória dramática sobre a Inglaterra

3 de julho de 2019 Off Por edumeireles

LYON, França (Reuters) – Atuais campeões, os Estados Unidos garantiram nesta terça-feira a classificação à final da Copa do Mundo de futebol feminino pela quinta vez, após uma turbulenta vitória por 2 x 1 sobre a Inglaterra, que perdeu um pênalti já no final da partida.

Christen Press, substituta da lesionada Megan Rapinoe, colocou os EUA em vantagem logo aos 10 minutos do primeiro tempo com uma firme cabeçada, mas as Leoas revidaram e igualaram o marcador nove minutos depois, quando Ellen White anotou seu sexto gol na competição.

As norte-americanas voltaram à liderança aos 31 da etapa inicial, em conclusão de cabeça de Alex Morgan, completando cruzamento perfeito de Lindsey Horan —um gol que Morgan, no dia de seu 30º aniversário, celebrou ironicamente, gesticulando como se estivesse tomando uma xícara de chá.

A Inglaterra pensou ter empatado novamente aos 24 minutos do segundo tempo, em mais uma excelente finalização de White, mas o gol foi anulado por impedimento após revisão do árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês).

O VAR, porém, ainda deu às inglesas uma última chance, alertando para um pênalti cometido sobre White, mas a fraca cobrança de Steph Houghton acabou defendida por Alyssa Naeher.

A três minutos do final, a Inglaterra ainda teve a defensora Millie Bright expulsa após levar seu segundo cartão amarelo.

Na decisão, que ocorre no domingo, os EUA buscarão o tetracampeonato contra Holanda ou Suécia, que duelam na quarta-feira, também em Lyon, e nunca conquistaram um título mundial.