Ataque reivindicado pelo Estado Islâmico deixou ao menos 29 mortos. Presidente iraniano, no entanto, acusou país do golfo apoiado pelos americanos.